Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2009

EntreMundos #7 - Parte 12

EntreFolhas
Morgance Dulac

Junho. Continua chovendo todos os dias e parece que nunca vai acabar. Todo mundo fica molhado: se não for por falta de guarda-chuva, é pelo nível de água até o meio da canela. Basta um tantinho de chuva para a cidade ficar toda alagada. No entanto, quando as ruas ficarem secas novamente, perceba a quantidade de lixo acumulada nas valinhas junto às calçadas e nas entradas dos bueiros. Veja que cidade alagada também é sinônimo de gente mal-educada. Portanto, seja prático e consciente: lembre-se de jogar o lixo somente na lata.

EntreMundos #7 - Parte 11

EntreContos
Morgance Dulac

Há um ano, estava eu fazendo um curso em pleno sertão baiano, numa fazendinha agroecológica muito mística. Segundo a dona do lugar, uma simpática bruxa americana, ali há um vórtex de energia dando a tudo um tom além do mundo físico. É verdade, a situação em si já é diferente, mas o motivo para dividir esta experiência é um pouco mais interessante. No último dia de curso, fizemos uma fogueira, assamos batatas e, ao som de um violão, cantamos em roda. Enquanto isso, a professora estrangeira dizia que os elementais estavam trabalhando no local onde havíamos plantado. Apesar desse comentário, ficamos surpresos com certa foto. Nela, saíram espécies de pequenos planetas: uns coloridos, outros listrados, de tamanhos variados. Bem, nossa anfitriã nos revelou que os elementais se deixaram mostrar. “Impressionante... Nunca imaginei ter provas tão concretas”, pensei. Vendo aquela imagem, até hoje, fico emocionada com uma sensação que permanece indescritível.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

EntreMundos #7 - Parte 10

EntreVistas
Samildanach Dulac
Nosso primeiro entrevistado não poderia deixar de ser ele: Tyw Irving Dulac (Tarólogo, Mestre de Reiki e Karuna-Reiki, Astrólogo, Massoterapeuta, trabalha com diversas terapias alternativas. Alto Sacerdote do Coven Tuatha Dulac e Fundador da Tradição Wiccana Dulac).

Percebi que era Bruxo quando...Ihhhhhh, 1989, quando li o livro as Brumas de Avalon...

Sou um Bruxo coerente quando...Penso, falo e ajo de acordo comigo e/ou com as inspirações da Grande Mãe.

Eu já sabia que...Ah, pula essa, muito complexa...

O marco da minha vida como bruxo foi quando...Na realidade, têm vários: quando fui iniciado em Beltane, recordo até da bebida vermelha... Outro momento foi quando fui reconhecido como bruxo pela Luna Nuit... Quando celebrei Imbolc com dois covens no Montese... E quando iniciei Morgance... A cada dedicação e iniciação...

No tarot, eu sou...O arcano do Louco, o eterno viajante, solitário e com a cabeça lá em cima. Sou também o Imperador, o que exerce o Poder…

EntreMundos #7 - Parte 9

EntrePratos
Tyw Irving Dulac

Salada de Macarrão para o Verão

Ingredientes:
250g de macarrão (tipo concha ou parafuso);sal a gosto;1/2 colher (chá) de noz moscada;1/4 xícara de castanha de caju torrada;1 cenoura ralada no ralo grosso;1 copinho de iogurte natural;Folhas de alface picadas.Modo de fazer:
Cozinhe o macarrão e escorra. Tempere com sal e junte os ingredientes restantes. Misture bem e sirva gelado com alface. Rende 4 porções.

EntreMundos #7 - Parte 8

EntreVentos
por Samildanach Dulac

9º Encontro de Mulheres Pague Menos.
24 a 26 de Julho, no Centro de Convenções Edson Queiroz – Fortaleza/CE.T.
Inscrições: R$20,00 Tema: “Paixão por Vencer”.
Oficinas, palestras motivacionais, espetáculo teatral, feira com as últimas novidades em produtos de beleza, show com Jorge Aragão e sorteio de um carro 0 km.


11° Bruxos Brasileiros em Brasília (BBB).
Tema: Seguindo os Ritmos da Terra.
10 a 12 de julho – Chácara Templo da Deusa
Rodovia DF 140, Km 4 – Brasília/DF.
Um final de semana de magia e aprendizado na Chácara Templo da Deusa.
Vivências, workshops, palestras, rituais wiccanianos, jornadas, sauna xamânica, roda de cura, fogo sagrado, resgate de alma, roda de tambores.

EntreMundos #7 - Parte 7

EntreFrases
Gita - Raul Seixas

"Eu sou feito da terra, do fogo da água e do ar".

Quer ver o vídeo da música? Clique aqui!

EntreMundos #7 - Parte 6

EntreLojas
Samildanach Dulac

Aqui vão as dicas para você montar seu próprio Beco Diagonal!

Bom, é inegável que hoje a tecnologia e os meios de comunicações nos ajudam muito na vida religiosa. Não é porque somos pagãos que vamos mandar cartas por meio de corujas, pombos ou águias treinadas. A internet tem sido grande aliada, sobretudo de bruxos que vivem nos lugares mais longínquos. Aqui vai minha sugestão: a Loja Magia das Brumas. São mais de 600 produtos organizados em 22 categorias, entre elas caldeirões, athames, cálices, vestimentas, instrumentos musicais, joalheria, CD’s, utensílios para rituais e muito mais. Já comprei algumas coisas e gostei bastante. Não encontrou o que precisava? Fale com Angela Bertoldo: ela sempre dará um jeitinho que toda bruxa tem!


Para conferir é só clicar aqui!

EntreMundos #7 - Parte 5

EntreRisos

EntreMundos #7 - Parte 4

EntreMitos
Samildanach Dulac

Lugh (Lugos, Lug ou Llew).
Deus do Sol Celta. Filho de Ethniu e Dian Cecht, Deus curandeiro da Medicina que guardava com a sua irmã Airmid a Fonte da Eterna Saúde; neto de Balor, o gigante de um olho só Campeão dos Fomorii. Mostra-se jovem e belo. Era conhecido como Lugh Lamfhada (“do longo braço”). É o mestre incontestável de todas as artes, sendo hábil para guerra, justiça, cutelaria, cervejaria, poesia, música, magia, comércio, história, entre outras artes, o que lhe fez receber o título de o Samildanach (“o de muitas habilidades”). Como membro dos Fomorii, passou por provas para adentrar o castelo dos Tuatha de Danann. Ao ser inquirido pelo porteiro do castelo sobre as artes que exercia, elencou suas habilidades encontrando dentre os habitantes do castelo alguém que já as exercesse. Por último, mostrou-se como enxadrista – jogador de um popular jogo de tabuleiro, o Fidchell – e venceu dentro do castelo, sendo recebido como o Campeão dos Tuatha de…

EntreMundos #7 - Parte 3

EntreParenteses
Samildanach Dulac

COWAN (Termo utilizado entre os bruxos para designar aqueles que não são iniciados nos mistérios da Arte. Em outras palavras, os “trouxas”).

LIBAÇÃO (Ato ritualístico de verter vinho ou outra bebida utilizada em um ritual sobre o chão, Altar, ou Fogo Sagrado, como oferenda aos Deuses).

COLEIRA DA BRUXA - Witch’s Ladder (Artesanato típico de Litha. São traçados três fios de variadas cores, dependendo da finalidade da coleira, e nove penas. Deve-se pendurá-la na janela do quarto. Quanto mais o vento soprá-la, mais rápido o seu desejo vai se realizar).